faceralis

 

ANUARIO123

Nacional

Edit

Amount of short articles:

Amount of articles links:

You can order sections with dragging on list bellow:

  • Nacional
Guardar
Cancelar
Reset

CPR

"É importante entrar foc

Image -

A pausa foi grande, mas terminou. Ricardo Teodósio e José Teixeira, atuais segundos classificados do

Domingo, 1 Agosto 2021 Comente

Eventos

Filipe Madureira retira-

Image - Filipe Madureira retira-

Filipe Madureira é um dos rostos incontornáveis dos ralis nacionais. Com mais de duas décadas e de u

Sexta, 30 Julho 2021 Comente

Open

Fotos Rali de Mortágua 2

Image - Fotos Rali de Mortágua 2

Fotos: Paulo Homem (Proíbida a reprodução de fotos sem indicação da fonte)Evento: Rali de Mortágua 2

Quarta, 2 Janeiro 2019 Comente

Nacional

teorvmA pausa foi grande, mas terminou. Ricardo Teodósio e José Teixeira, atuais segundos classificados do Campeonato de Portugal de Ralis, estão motivados para o Rali Vinho Madeira, um dos ralis mais desafiantes dos CPR 2021.

Depois da vitória na ronda inaugural da competição e de dois pódios nas provas subsequentes, a dupla algarvia confia que será possível regressar ao continente na liderança do Campeonato, após o Rali Vinho Madeira. "Claro que o nosso objetivo passa por sermos os melhores classificados entre os concorrentes do CPR. Sabemos que o Rali Vinho Madeira é um rali difícil e desafiante, onde podem surgir sempre imprevistos que nos podem colocar fora da luta pelos nossos objetivos. É por isso importante entrar focado e motivado, para evitar correr atrás do prejuízo", destacou o piloto algarvio antes de deixar umas palavras para o público madeirense: "Desejamos um bom resultado, mas também divertir o público que sempre tão bem nos acolhe."

Na bacquet do lado direito, José Teixeira tem um papel fundamental num rali como o "Vinho Madeira" e não se esconde da responsabilidade. "Para desafios difíceis como este só há uma solução: mostrar resiliência e vontade de vencer. Estes são os condimentos perfeitos para que as coisas nos possam correr bem e consigamos chegar ao próximo sábado com o nosso objetivo cumprido. Sabemos que lutar pela vitória à Geral será extremamente difícil, tendo em conta o conhecimento dos nossos adversários locais. Ainda assim vamos à luta, em busca do melhor resultado possível, que nos permita somar o máximo número de pontos para o Campeonato de Portugal."

meirelesA dupla Pedro Meireles/Mário Castro regressa já no próximo fim-de-semana à Madeira para competir na quarta ronda do Campeonato de Portugal de Ralis, o Rali Vinho da Madeira. Depois da presença pontual no Campeonato da Madeira de Ralis, no Rali do Marítimo – Município do Machico, que serviu de preparação para a prova principal, onde alcançou o quinto lugar à Geral, depois de problemas na eletrónica sentidos no Volkswagen Polo GTI R5, o piloto vimaranense mostra-se motivado para lutar pelos lugares cimeiros da classificação no RVM.

"Sabemos que não será um rali fácil, mas estamos muito confiantes que podemos lutar pelos lugares cimeiros da classificação. Fizemos uma boa preparação para esta prova, os problemas físicos que nos afastaram do Rali de Portugal estão ultrapassados e queremos mostrar na Madeira que ainda podem contar connosco na luta pelas vitórias no Campeonato de Portugal de Ralis", começou por afirmar um motivado Pedro Meireles, antes de deixar umas palavras para o público madeirense: "Vimos de uma participação positiva no Rali do Marítimo, onde observámos um comportamento exemplar do público madeirense, verdadeiramente apaixonado pelos ralis. Contamos com o vosso apoio e vamos dar tudo por tudo por dar o espetáculo que todos merecem!"

madureiraFilipe Madureira é um dos rostos incontornáveis dos ralis nacionais. Com mais de duas décadas e de uma centena de provas ao mais alto nível, são já inúmeros os quilómetros de adrenalina percorridos ao longo dos anos. Mas o percurso do piloto gondomarense conhece agora um ponto final.

"Há um dia em que acordas e pensas. É altura de parar", afirmou o piloto. "Não há um motivo ou uma razão particular. Simplesmente, surge a necessidade. São muitos anos de enorme intensidade, conciliando a exigência das corridas com a vida pessoal e profissional. E, nesta fase, após um quarto de século de atividade, sinto que a motivação já não está nos níveis necessários para continuar. Por isso, acaba por ser um fechar de ciclo natural."

Um trajeto que fez Filipe Madureira pisar inúmeros palcos, ao volante de variadíssimos carros. "Os automóveis, e os ralis em particular, são e serão sempre uma grande paixão", refere, mas destaca: "Acima de tudo, o que fica são as pessoas, as relações humanas que se criam, fortalecem e se tornam para a vida. E, felizmente, tenho o prazer e o privilégio de ter feito amizades que são sem dúvida a maior vitória das corridas."

Uma decisão que torna a atual época no Campeonato Portugal Clássicos de Ralis a sua última temporada. "Temos duas provas pela frente, o Rali Alto Tâmega e o Rali Vidreiro. Serão dois eventos de festa, ao volante do fantástico Ford Sierra Cosworth da Peres Competições, para celebrar e homenagear todos aqueles que me acompanham e estiveram ao meu lado neste longo percurso e a quem muito agradeço. Patrocinadores, equipas, família, amigos e adeptos, todos tiveram um papel preponderante para a minha longevidade nas corridas. Não há palavras para exprimir o agradecimento que sinto. Muito obrigado por tudo."

Um adeus que deixa uma porta entreaberta a aparições pontuais no futuro. "O bichinho estará sempre cá e a possibilidade de regressar esporadicamente é uma realidade. Mas, a acontecer, totalmente para me divertir, sem quaisquer compromissos com resultados ou campeonatos. Apenas para desfrutar do sabor especial dos ralis. No entanto, essa não é uma preocupação neste momento. Agora é tempo de aproveitar e festejar da melhor forma estes 25 anos, numa época que ainda vai a meio e que tudo farei em prova para que seja inesquecível para todos."

netoPaulo Neto está de regresso ao volante do Skoda Fabia R5 para a quarta jornada do Campeonato Portugal de Ralis, o Rali Vinho da Madeira, dias 5 a 7 de agosto.

Um evento que põe termo a um hiato de cerca de dois meses na competição e que o piloto aguarda com expectativa: "Vai ser sem dúvida desafiante, principalmente porque desde o Rali de Castelo Branco que não contabilizamos qualquer quilómetro. Neste sentido, temos agendado um teste para preparar da melhor forma este evento, com o objetivo de acumular quilómetros, ganhar ritmo e fazer os acertos necessários no set up."

Para o piloto, este é um desafio onde as escolhas de pneus assumem grande importância, devido às condições meteorológicas marcadas pela imprevisibilidade: "É uma característica da ilha. Neste rali é comum fazermos três troços seguidos em que o piso varia entre seco, meio seco e molhado. Por isso, acertar nos compostos a utilizar é tão decisivo quanto exigente."

Neste contexto, em termos de objetivos, Paulo Neto, que terá a seu lado o navegador Vítor Hugo, afirma: "É sempre difícil fazer previsões, mas gostávamos de rodar perto do top cinco. No entanto, e acima de tudo, queremos desfrutar de uma prova de que gosto muito, com troços rápidos e encadeados, bastante desafiantes do ponto de vista de condução, e com uma quilometragem superior à maioria dos eventos do nacional. Tudo isto, inserido numa belíssima paisagem natural que torna o rali único."

O Rali Vinho da Madeira é composto por 16 especiais e 159.30 quilómetros ao cronómetro. "A motivação é total e quero deixar um enorme agradecimento aos nossos parceiros por todo o apoio ao nosso projeto. Obrigado também à minha família, amigos e adeptos por estarem sempre connosco", finalizou Paulo Neto.

madeiralogo2021Inscritos Rali Vinho Madeira 2021, com apenas 13 inscritos para o Campeonato de Portugal de Ralis, num total de 5o equipas.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

madeirainscritos21